sábado, 8 de novembro de 2014

O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRE PREOCUPAÇÃO?

A Bíblia ensina claramente que os Cristãos devem evitar se preocupar. 

Filipenses 4:6 diz: “Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças.” Nesta passagem, aprendemos que devemos entregar a Deus todas as nossas necessidades e preocupações, ao invés de deixar que fiquem remoendo em nossas mentes. 

Jesus também ensina os crentes a não se preocuparem. Ele nos diz que não devemos andar ansiosos com nossas necessidades físicas, como roupa e comida. Jesus nos garante que Nosso Pai Celestial vai cuidar de nossas necessidades (Mateus 6:25-34). Portanto, não temos que nos preocupar com nada. 

JÁ QUE PREOCUPAÇÃO NÃO DEVE FAZER PARTE DA VIDA DE UM CRISTÃO, COMO ENTÃO PODEMOS SUPERÁ-LA? 

Em 1 Pedro 5:7, somos instruídos: "Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós." 

Deus não quer que carreguemos sobre nossas costas o peso de nossos problemas e aflições. Nessa passagem, Deus está nos dizendo que devemos dar a Ele todas os nossos problemas e preocupações. 

POR QUE DEUS QUER CARREGAR NOSSOS PROBLEMAS? 

A Bíblia diz que ele se importa com você. Isso mesmo, com VOCÊ! 
Deus se preocupa com tudo que acontece na sua vida. Nada é muito grande ou pequeno para ter Sua atenção. 

Quando damos a Ele nossos problemas, Ele promete nos dar paz que transcende todo entendimento (Filipenses 4:7).

Claro que para as pessoas que não conhecem o Salvador, preocupação e ansiedade vão fazer parte de suas vidas. Mas para aqueles que entregaram suas vidas a Ele, Jesus prometeu:

"Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve"(Mateus 11:28-30). 

Fonte: GotQuestion 

Por Litrazini
http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário