sábado, 4 de fevereiro de 2017

A VIRGULA E O PONTO FINAL FAMILIAR NA POSSE DA CANAÃ

Vem agora, pois, e eu te enviarei a Faraó para que tires o meu povo (os filhos de Israel) do Egito. Êxodo 3:10 

Meditando sobre a família, Deus me levou a fazer uma comparação com a jornada do Povo de Deus desde o Egito até a terra prometida.

Moisés liderou, executou as instruções do Senhor, a fim de ensinar o povo e a prepará-los para entrar em Canaã durante toda a jornada desde a saída do Egito.

Os pais, representam, simbolicamente Moisés, são responsáveis pelo papel de ensinar, educar, instruir e orientar durante a caminhada desde o nascimento até o casamento. 

MOISÉS NÃO ENTROU NA TERRA PROMETIDA! 
Também o SENHOR se indignou contra mim por causa de vós, dizendo: Também tu lá não entrarás. Josué, filho de Num, que está diante de ti, ele ali entrará; fortalece-o, porque ele a fará herdar a Israel. Deuteronômio 1:37-38 

Moisés entrega a responsabilidade de guiar os Hebreus na conquista da terra à Josué: 
E sucedeu depois da morte de Moisés, servo do SENHOR, que o SENHOR falou a Josué, filho de Num, servo de Moisés, dizendo: Moisés, meu servo, é morto; levanta-te, pois, agora, passa este Jordão, tu e todo este povo, à terra que eu dou aos filhos de Israel.Todo o lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo tenho dado, como eu disse a Moisés. Josué 1:1-3

Esforça-te, e tem bom ânimo; porque tu farás a este povo herdar a terra que jurei a seus pais lhes daria. Josué 1:6 

Os pais entregam a responsabilidade dos filhos aos conjugues. 

Josué guiou, liderou os israelitas na travessia e conquista da terra prometida, lutaram, guerrearam juntos e por fim conseguiram se apossar da terra. 

Esse é o papel do conjugue, caminhar, lutar e se apossar do melhor de Deus, simbolizado pela terra de Canaã. 

Nem todos obedeceram às ordenanças e se desviaram dos caminhos do Senhor, se entregando à idolatria e costumes pagãos dos antigos moradores da terra. 

Para que possam servir a Deus, cumprir seus propósitos e se apossar da herança, a nova família, os filhos (conjugues) devem se achegar a Deus, ter comunhão com Ele, só assim poderão desfrutar da proteção da sombra da nuvem durante o dia, do fogo de Deus à noite e atravessar o deserto, as tribulações, aflições e obstáculos do novo ciclo familiar que se inicia.

E o SENHOR ia adiante deles, de dia numa coluna de nuvem para os guiar pelo caminho, e de noite numa coluna de fogo para os iluminar, para que caminhassem de dia e de noite. Êxodo 13:21 

Agora o SENHOR vosso Deus deu repouso a vossos irmãos, como lhes tinha prometido; voltai-vos, pois, agora, e ide-vos às vossas tendas, à terra da vossa possessão, que Moisés, o servo do SENHOR, vos deu além do Jordão. Tão somente tende cuidado de guardar com diligência o mandamento e a lei que Moisés, o servo do SENHOR, vos mandou: que ameis ao SENHOR vosso Deus, e andeis em todos os seus caminhos, e guardeis os seus mandamentos, e vos achegueis a ele, e o sirvais com todo o vosso coração, e com toda a vossa alma. Assim Josué os abençoou, e despediu-os; e foram-se às suas tendas. Josué 22:4-6 

VIRGULA: 
Ao gerar nova vida, gravidez, deixa-se de ser Josué e tem inicio o novo ciclo da família, pois deixam de ser Josué e passam a ser Moisés, com a responsabilidade de levar os novos para a Canaã. 

Somente quando chegarmos à Jerusalém Celestial, a verdadeira Canaã, poderemos por um PONTO FINAL

Lidiomar T. Granatti 

Por Litrazini

Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário