sábado, 14 de julho de 2018

QUANTO PODER SATANÁS POSSUI?


Satanás foi um anjo criado por Deus que se voltou contra a autoridade de Deus (Isaías 14:13) e tornou-se o cabeça de um reino de espíritos malignos chamados demônios, seus "anjos" (Mateus 25:41). Seu poder tanto no reino celestial quanto na terra é muito grande e não deve ser subestimado.

No entanto, embora Satanás e suas forças sejam formidáveis inimigos, Jesus Cristo esmagou o seu poder, cumprindo a profecia de Gênesis 3:15. A cruz de Cristo obteve a vitória (João 12:31). O "príncipe deste mundo já está julgado" (João 16:11), e Jesus um dia destruirá completamente o poder de Satanás e purificará a criação (2 Pedro 3:10).

O PODER DE SATANÁS NO MUNDO CELESTIAL/ESPIRITUAL:
O poder de Satanás tem reputação no domínio espiritual (Judas 1: 9), onde ele tem acesso limitado à presença de Deus (Jó 1:6).

O livro de Jó fornece uma visão da relação entre Deus e Satanás. Em Jó 1:6-12, Satanás está diante de Deus e relata que ele estava a "rodear a terra e passear por ela"(v. 7). Deus pergunta a Satanás se ele observara o piedoso Jó, e Satanás imediatamente acusa Jó de insinceridade - ele só ama a Deus pelas bênçãos que Deus dá. "Estende a mão", diz Satanás, "e toca-lhe em tudo quanto tem, e verás se não blasfema contra ti na tua face" (v. 11). Deus concede a Satanás permissão para afetar as posses e a família de Jó, mas não a pessoa dele, e Satanás sai. Em Jó 2, Satanás volta à presença de Deus e, dessa vez, é permitido afetar a saúde pessoal de Jó. (O resto do livro é da perspectiva de Jó, fornecendo um exemplo de como lidar com o sofrimento.)

Esta é uma passagem importante porque mostra o lugar de Satanás no domínio espiritual. Ele é capaz de acusar o povo de Deus em Sua própria presença, e Judas 1:9 mostra que até mesmo o arcanjo Miguel precisa da ajuda do Senhor para vencê-lo. No entanto, Satanás é obviamente impedido de decretar sua fúria total, pois ainda é um ser criado por Deus, e seu poder é limitado.

O PODER DE SATANÁS NA TERRA:
Jó 1 também revela que Satanás impõe o mal e causa danos diretos à terra. A mais conhecida e importante de suas ações na terra ocorreu no jardim do Éden. Gênesis 3 fala de quando Satanás tentou Eva, a "mãe de todos os seres humanos" (v. 20), a pecar e seu primeiro pecado subsequente. Foi este ato, e o de Adão, seu marido, que trouxe o pecado para o mundo, e é a razão pela qual toda a humanidade deve ser redimida do pecado para estar com Deus.

Um dia, Jesus encontrou uma mulher que havia sido"possessa de um espírito de enfermidade, havia já dezoito anos" (Lucas 13:11). Jesus atribui a enfermidade a Satanás, que a manteve em "cativeiro" (versículo 16). O poder de Satanás era real, mas foi facilmente superado por nosso Senhor: "Vendo-a Jesus, chamou-a e disse-lhe: Mulher, estás livre da tua enfermidade; e impondo-lhe as mãos, ela imediatamente se endireitou e dava glória a Deus" (v. 13). O milagre de Jesus foi uma clara demonstração de Sua autoridade sobre Satanás.

Desde a sua instigação do mal na terra, Satanás foi nomeado como o "príncipe", "deus" ou "governante" deste mundo (João 14:30, cf. João 12:31; 16:11; 2 Coríntios 4:3-4; Efésios 2:2; Colossenses 1:13). Ele é o inimigo de Deus e da verdade (Mateus 13:24-30; 2 Tessalonicenses 2:9-12), e faz tudo o que pode para seduzir indivíduos (Gênesis 3: Lucas 22:31; 1 Timóteo 3:7) e maiores grupos de pessoas (1 Tessalonicenses 3:5, Apocalipse 2:10).

Ele é "o sedutor de todo mundo" (Apocalipse 12:9). Satanás cumpre isso por vários meios, inclusive apelando ao orgulho do homem (1 Timóteo 3:6; 1 Coríntios 4:6), interferindo na transmissão da verdade (Mateus 13:18-22, 38-39) e colocando falsos crentes dentro da igreja (1 Timóteo 4:1-2; 2 Timóteo 3:1-9; Apocalipse 2:9; 3:9). Em João 8:44, Jesus diz que Satanás "é um mentiroso e o pai da mentira".

Deus ainda concede a Satanás alguma autoridade neste mundo, o que significa que seu poder ainda não está completamente quebrado - exceto em uma área: seu poder de morte. Hebreus 2:14-15 diz que Jesus veio como um homem para morrer para que "destruísse aquele que tem o poder da morte, a saber, o diabo", um poder que Satanás havia mantido "desde o princípio" (João 8:44). A salvação que Jesus fornece nos libertou do estrangulamento de Satanás. A morte perdeu o seu aguilhão (1 Coríntios 15:55).

O PODER DE SATANÁS – A CONCLUSÃO:
A Bíblia diz que "o mundo inteiro jaz no Maligno" (1 João 5:19), e que devemos ser "sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar" (1 Pedro 5:8). No entanto, os cristãos têm uma grande esperança, pois Jesus Cristo (João 16:33) e nossa fé nele (1 João 5:4) venceram o mal de Satanás. "...maior é aquele que está em vós do que aquele que está no mundo" (1 João 4:4).

Fonte: GotQuestion

Por Litrazini
Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário