terça-feira, 3 de julho de 2018

TU ÉS O CRISTO


Quando chegou às vilas de Cesareia de Filipe, Jesus perguntou aos discípulos: “O que o povo anda dizendo a respeito do Filho do Homem?”. Eles responderam: “Alguns pensam que é João, o Batista. Outros acham que é Elias. Há quem pense que é Jeremias ou algum dos profetas”. Ele insistiu: “E vocês? Quem acham que eu sou?”.

Simão Pedro declarou: “Tu és o Cristo, o Messias, o Filho do Deus vivo!”.

Jesus afirmou: “Deus o abençoe, Simão, filho de Jonas! Você não retirou a resposta dos livros nem citou algum professor. Meu pai no céu, o próprio Deus, revelou a você o segredo sobre quem sou de fato. Agora vou dizer quem você é de verdade. Você é Pedro, uma pedra. Essa é a pedra sobre a qual vou edificar minha igreja, uma igreja tão exuberante e tão cheia de energia que nem as portas do inferno serão capazes de obstruir seu avanço. E isso não é tudo. Vocês terão acesso livre e total ao Reino de Deus e chaves para abrir qualquer porta, sem mais barreiras entre o céu e a terra, a terra e o céu. Um ‘sim’ na terra é um ‘sim’ no céu. Um ‘não’ na terra é um ‘não’ no céu”. (Mateus 16.13-19)

Ao mesmo tempo que Pedro percebe e confessa que Jesus é o Cristo, aquele que nos revela Deus, Jesus cita Pedro como a rocha sobre a qual a igreja será edificada.

No momento em que tornamos Cristo nosso Senhor, Cristo torna-nos suas pedras fundamentais para a edificação de seu templo vivo no mundo.

Você já confessou que Jesus é seu Senhor e Salvador?

Sê Senhor e Salvador para mim, querido Jesus. Recebo tua presença como a presença de Deus, creio em tuas palavras como as palavras de Deus para mim; torna-me o que quiseres, usa-me como quiseres. Não seja mais minha vontade, mas a tua. Amém.

Retirado de Um Ano com Jesus. [Eugene H. Peterson]. Editora Ultimato.

Por Litrazini
Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário