domingo, 31 de janeiro de 2016

ORGULHO E AMBIENTE PROPÍCIO PARA A MANIPULAÇÃO SATÂNICA

Os Evangelhos de Mateus e Marcos afirmam que, certo dia, Simão Pedro declarou a verdadeira identidade de Jesus como o Filho de Deus pela revelação do Espíri­to Santo e recebeu um elogio de Jesus por ter tido tal discernimento.

Em seguida, Jesus anunciou que morre­ria, mas ressuscitaria, e Pedro o repreendeu por dizer es­sas palavras! Ele disse: "Isso nunca acontecerá com você ”! (Mateus 16.15-23) As palavras religiosas de Pedro pareciam boas. Tinham o caráter da verdadeira devoção e sinceridade, mas eram diabolicamente falsas.

O orgulho e a presunção de Simão Pedro criaram uma atmosfera oportuna para uma visita de Satanás. O inimigo juntou-se à mesa em que jantavam e usou o confiante Pedro para proclamar as expectativas do inferno.

Satanás deve ter rido em silêncio quando Pedro disse a Jesus, o Messias, que ele não estava certo ao di­zer que morreria na ruz. As palavras mal acabaram de sair da boca de Pedro quando Jesus o confrontou.

Olhan­do além do rosto familiar de Pedro, o Senhor falou dire­tamente com o arcanjo do mal que se escondia "atrás do trono": "Para trás de mim, Satanás! Você é uma pedra de tropeço para mim, e não pensa nas coisas de Deus, mas nas dos homens" (Ml 10.23b).

Há ocasiões quando "lazer o que é certo", segundo a sua definição, é, na realidade, "fazer o que é errado", segundo a definição de Deus. Algo está "correto" quan­do está de acordo com a Palavra de Deus e é confirmado por seu Espírito.

Pedro teve esta experiência ao declarar acertadamente a verdadeira identidade de Jesus. No en­tanto, teve de descartar por completo a realidade da iden­tidade de Jesus que acabara de descobrir para dizer aquilo que disse. Se Jesus era o Filho de Deus, por que menti­ria sobre seu destino?

Quando sua ação parece "correta", mas o meio que você usa para executá-la é incorreto, este se constitui no pior tipo de "erro", porque pode enganar e induzir outros também ao caminho errado.

Pedro estava dizen­do: "Você não morrerá. Estaremos a seu lado", mas Je­sus sabia que jamais poderia cumprir seu propósito na terra sem o Calvário. Qualquer coisa que pudesse ou tentasse impedir os propósitos de Deus não podia ser de Deus.

Nem todas as boas ideias são "ideias de Deus".

Extraído do Livro Fontes Secretas de Poder de T. E TENNEY e TOMMY TENNEY

Por Litrazini
http://www.kairosministeriomissionario.com/


Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário