domingo, 11 de março de 2018

CHEGOU A HORA DE CRUZAR O SEU JORDÃO


“...Tão somente sê forte e mui corajoso para teres o cuidado de fazer segundo toda a lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvies, nem para a direita nem para a esquerda, para que sejas bem-sucedido por onde quer que andares...”(Js.1.1-9)

Como o povo de Israel agora chegou a hora de cruzar o nosso Jordão, há uma terra a ser conquistada, há inimigos a serem vencidos. O povo de Israel ansiava por esse momento desde a promessa feita a Abraão, mais de 500 anos haviam se passado, mas, agora, chegara o momento. O tempo da oportunidade batia à porta, o tempo oportuno de Deus havia chegado, era hora de tomar posse da herança.

É PRECISO TIRAR OS OLHOS DA CRISE E SABER QUE DEUS ESTÁ NO CONTROLE 
Moisés está morto, uma crise real está instalada: Sucedeu, depois da morte de Moisés, servo do SENHOR, que este falou a Josué, filho de Num, servidor de Moisés, dizendo: Moisés, meu servo, é morto; dispõe-te, agora, passa este Jordão, tu e todo este povo, à terra que eu dou aos filhos de Israel.

A crise chega repentinamente, ela vem a todos. Vivemos uma crise internacional, o terrorismo ainda é uma ameaça, a paz mundial parece cada vez mais distante. A violência campeia bem ao nosso lado. A miséria convive com a fartura. O desemprego assusta os pais de família.

Moisés está morto, mas Deus continua no trono, a obra continua.
Precisamos assumir o nosso papel histórico, nossa confiança está no Senhor, nossa vitória não vem dos homens, mas de Deus.
Os homens passam, mas Deus continua no trono.
Cada geração precisa se levantar e cruzar o seu Jordão,

PRECISAMOS SAIR DO DESERTO E CRAVAR OS OLHOS NOS NOVOS DESAFIOS
O deserto estéril não é o nosso paradeiro, não fomos chamados para fazer do deserto o nosso cemitério, mas para conquistar a terra que Deus nos prometeu.

O Jordão precisa ser atravessado, a crise precisa ser vencida, as cidades fortificadas precisam ser conquistadas, Deus não nos chamou para contar os inimigos, mas para vencê-los.

O tempo de agir é agora, vida não é um ensaio, a vida não se repete, avida não espera, oque você precisa fazer, deve fazer agora, porque é mais tarde do que você imagina.

PRECISAMOS SABER QUE A VITÓRIA VEM DE DEUS, MAS SOMOS NÓS QUE TEMOS QUE CRUZAR O JORDÃO

Entre nós e os nossos sonhos há sempre um Jordão, sempre haverá um Jordão a atravessar  para tomarmos posse da terra prometida. Não há vitória sem luta, Deus nos promete força e consolo e não ausência de lágrimas.

Precisamos saber que a vitória vem de Deus e não da nossa força, saber que a vitória que vem de Deus nos torna destemidos.

PRECISAMOS DISCERNIR A VISÃO DE DEUS PARA A NOSSA VIDA
Josué recebeu visão clara sobre o que fazer, onde ir e a quem levar; Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo tenho dado, como eu prometi a Moisés.

O chamado de Deus para Josué foi claro. Deus o chamou para cruzar o Jordão e conduzir o povo à terra prometida. Aquela era a meta de Deus para a sua vida. Josué tinha absoluta certeza acerca daquilo que Deus queria da sua vida.

É PRECISO VIVER COM O PEITO ENCHARCADO DE ÂNIMO E CORAGEM
Não to mandei eu? Sê forte e corajoso; não temas, nem te espantes, porque o SENHOR, teu Deus, é contigo por onde quer que andares.

Deus é contra o desânimo – v. 6,7,9, Deus falou três vezes para Josué ser forte, ter coragem e ânimo, o desânimo é contagioso. Foi por causa dele que toda uma geração de 2 milhões de pessoas morreram no deserto.

Sem ânimo ninguém se levanta na crise. Sem ânimo ninguém cruza o Jordão. Sem ânimo ninguém enfrenta o inimigo. Sem ânimo ninguém toma posse da terra prometida.

Josué ganhou tremendas batalhas, ele não temeu. Ele confiou que do Senhor vem a vitória.

O desânimo nos impede de cruzar o nosso Jordão; O ânimo precisa ser cultivado no coração
O texto nos mostra que o ânimo é gerado no coração de 3 formas:

O que produz o ânimo é a promessa de Deus  v. 6 “Sê forte e corajoso, porque tu farás este povo herdar a terra que, sob juramento prometi dar a seus pais”.
2- O que gera o ânimo é agir de acordo com a vontade de Deus
3- O que mantém o ânimo é a consciência da presença de Deus “Porque o Senhor, teu Deus, é contigo por onde quer que andares.” Deus oferece a Josué uma base histórica para a sua confiança: “Assim como fui com Moisés, assim serei contigo”

PRECISAMOS NOS CONDUZIR SEGUNDO A PALAVRA DE DEUS
Para cruzar o Jordão não basta apenas coragem, é preciso ter também santidade
Se queremos cruzar o Jordão precisamos ter uma vida conduzida pela Palavra de Deus.

Josué nos dá três princípios e um resultado:
Meditar (v. 8) – Quando? Dia e noite.
Fazer (v. 7-8) – Como? Não se desviando nem para direita…
Falar (v. 8) – De que forma? Sem cessar.
Resultado (v. 8b) – Sucesso e prosperidade.

É tempo de se levantar e obedecer. É tempo de experimentar os milagres de Deus, pois quando agimos em nome de Deus e para glória de Deus, o Jordão se abre, os inimigos fogem e nós possuímos a terra da Promessa.

Transcrito Por Litrazini
Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário