sábado, 17 de março de 2018

LIBERTAÇÃO DAS GARRAS DE SATANÁS.


“...E eis que estava ali uma mulher que tinha um espírito de enfermidade, havia já dezoito anos; e andava curvada, e não podia de modo algum endireitar-se. E, vendo-a Jesus, chamou-a a si, e disse-lhe: Mulher, estás livre da tua enfermidade. E pôs as mãos sobre ela, e logo se endireitou, e glorificava a Deus...” Lc 13.10-17.

Esta mulher doente estava presa por Satanás. Satanás impedia que ela olhasse para o Senhor.

Hb 12.1,2 “...Deixemos todo embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com perseverança a carreira que nos está proposta, fitando os olhos em Jesus, autor e consumador da nossa fé”.

Oprimia-a com preocupações e sofrimentos. Segurava sua presa nos lugares mais escuros.

Mc 5.3-5 “o qual tinha a sua morada nos sepulcros; e nem ainda com cadeias podia alguém prendê-lo; porque, tendo sido muitas vezes preso com grilhões e cadeias, as cadeias foram por ele feitas em pedaços, e os grilhões em migalhas; e ninguém o podia domar; e sempre, de dia e de noite, andava pelos sepulcros e pelos montes, gritando, e ferindo-se com pedras,”.

A mulher estava totalmente impotente. Ninguém, nem mesmo ela ou outros, conseguia arrebentar as correntes de Satanás. Todos os seus esforços falharam.

Rm 7.19 “Pois não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse pratico”.

Porém Cristo morreu pelos fracos.
Rm 5.8 “Mas Deus dá prova do seu amor para conosco, em que, quando éramos ainda pecadores, Cristo morreu por nós”.

A mulher procurava ajuda (Ef 2.8). Apesar de ser uma filha de Abraão, estava presa.Ela era religiosa e ia, aos sábados, à sinagoga. Assim chegou no tempo certo, pois o Senhor estava presente. Foi liberta pelo grande Libertador (Lc 4.18,19).

A MULHER EXPERIMENTOU UMA LIBERTAÇÃO INESPERADA.
O Senhor chamou-a para Si, E, vendo-a Jesus, chamou-a a si, e disse-lhe: Mulher, estás livre da tua enfermidade. Lc 13.12. Teve uma boa mensagem, v.12. Impôs-lhe as mãos e curou-a, E pôs as mãos sobre ela, e logo se endireitou, e glorificava a Deus. Lc.13.13.

O resultado para a glória de Deus (Sl 103). Ela agradeceu ao seu Salvador, v.13. Houve grande alegria entre os fiéis, E, dizendo ele isto, todos os seus adversários ficaram envergonhados, e todo o povo se alegrava por todas as coisas gloriosas que eram feitas por ele. v.17. Os adversários foram envergonhados, v.17.

Transcrito Por Litrazini
Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário