domingo, 29 de março de 2020

OS CRENTES FICARÃO FORA DA GRANDE TRIBULAÇÃO?


“COMO GUARDASTE A PALAVRA da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra” (Ap 3.10).

A promessa de Cristo, no sentido de livrar os fiéis da Filadélfia da hora da tentação, é idêntica à promessa bíblica aos tessalonicenses, de que seriam preservados da “ira futura” (1 Ts 1.10). Esta promessa é válida para todos os fiéis de Deus, em todas as eras (Ap 3.13,22).

Esta hora inclui o tempo divinamente determinado para provação, ira e tribulação que sobrevirá a “todo o mundo” nos últimos anos desta era, imediatamente antes do estabelecimento do reino de Cristo na terra (Ap 5.10; 6-19; 20.4). A respeito desse tempo, a Bíblia revela as seguintes verdades:

Esse tempo de tribulação envolve a ira de Deus sobre os ímpios (Ap cap. 6 a 18; Dt 4.26-31; Is 13.6-13; 17.4-11. Jr 30.4-11; Ez 20.33-38; Dn 9.27; 12.1; Zc 14.1-4; Mt 24.9-31).

Esse período de provação também inclui a ira de Satanás contra os fiéis, i.e., contra os que aceitarem a Cristo durante esse período terrível. Para eles, haverá fome, sede, exposição às intempéries e muito sofrimento e lágrimas (Ap 7.9-17; Dn 12.10; Mt 24.15-21).

Experimentarão de modo indireto as catástrofes naturais da guerra, da fome e da morte. Serão perseguidos, torturados e muitos sofrerão martírio (Ap 6.11; 13.7; 14.13). Sofrerão as assolações de Satanás e das forças demoníacas (Ap 9.3-5; 12.12), violência de homens ímpios e perseguição da parte do Anticristo (Ap 6.9; 12.17; 13.15-17).

Perderão suas casas e terão de fugir, aterrorizados (Mt 25.15-20). Será um período terrivelmente calamitoso para quem tiver família e filhos (Mt 24.19); será tão terrível, que os santos que morrerem são tidos por bem-aventurados, porque descansam da sua lida e ficam livres da perseguição (Ap 14.13).

Quanto aos vencedores anteriores àquele tempo, Deus os preservará da tribulação, através do arrebatamento, quando os fiéis encontrarão o Senhor nos ares, antes de Deus derramar a sua ira. Esse livramento é uma recompensa àqueles que perseverarem em guardar a Palavra de Deus, mantendo a fé verdadeira.

Os crentes de nossos dias, que esperam escapar dessas coisas que estão para vir sobre o mundo, só o conseguirão mediante a fidelidade a Cristo e sua Palavra e a vigilância constante na oração para não serem enganados.

Venho sem demora (Ap 3.11) – A estreita conexão entre este versículo e o 10 indica
(1) que a vinda de Cristo, para arrebatar da terra a sua igreja, será o meio de livramento dos fiéis (cf. 1. Ts 1.10; 4.14-18), e
(2) que o livramento da hora da provação e da tribulação está reservado somente aos que permanecerem em Cristo e na sua Palavra (Ap 3.8).

Fonte: Bíblia de Estudo Pentecostal / Pr. Airton Evangelista da Costa

Por Litrazini
Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário