domingo, 24 de maio de 2020

COMO USAR O NOME DE JESUS


Jamais usaremos o Nome de Jesus com sucesso se não estivermos agindo sobre a revelação da Palavra de Deus. É preciso que se entenda que o nosso único elo de ligação com o Pai é através da Palavra.

No mundo espiritual a nossa palavra sozinha é acatada como NADA. Não era assim no início: o homem tinha autoridade para reinar aqui nesta vida, mas ao pecar, perdeu tudo.

Quando Jesus venceu o inferno e expulsou o príncipe deste mundo; Ele conquistou para Si a autoridade que o homem perdera e recebeu ainda todo o poder tanto no céu como na terra; Agora, Ele nos dá este sublime privilégio de usar o seu Nome; mas Ele nos adverte que sem Ele nós não faremos nada. “Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer (Jo.15.5)

Não importa o problema pelo qual você esteja passando. Primeiro, e antes e tudo, procure meditar na Palavra de Deus. Ao recebê-la no coração, ela lhe dará fé. Então, você deve, sem vacilar, usar o nome de Jesus, reivindicando o que lhe foi revelado.

Quando Cristo diz que algo se faça em seu nome, significa que deve ser feito identificando-se com Ele, fazendo-o no seu espírito, como se fosse Ele mesmo. Em nenhum caso se trata de pronunciar o nome divino como palavra mágica.

O nome de Cristo permanece sozinho. Deus lhe deu um nome que está acima de todo nome. Nenhum credo pode contê-lo, nenhum catecismo pode explicá-lo; Carne de nossa carne, o próprio Deus do nosso próprio Deus.

A Ele, pois, seja a glória, o domínio e o poder para todo sempre.

Lidiomar T. Granatti / Litrazini
Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário