quarta-feira, 19 de agosto de 2020

CARÁTER VERSUS TALENTO


TALENTO É UM DOM - A vida não permite que tenhamos controle em determinadas coisas. Por exemplo, ninguém escolhe os pais que gostaria de ter. Ninguém escolhe o local ou as condições do seu nascimento e crescimento. Assim também não podemos selecionar nossos talentos e Q.I. (quociente de inteligência), nascemos com eles.

CARÁTER É UMA ESCOLHA - Diferente do talento, o caráter é formado a partir do ambiente onde vivemos, das pessoas com as quais aprendemos, das influências que sofremos e, principalmente, das escolhas que fazemos etc.

QUANDO O CARÁTER NÃO SUPORTA O PESO DO TALENTO - Você conhece a história de alguma pessoa que, apesar de talentosa, teve um fim trágico porque faltou profundidade de caráter? Um grande projeto de vida exige muito investimento na fundação, no caráter, pelo contrário, a casa “cai”, e o prejuízo é grande (Mt 7.24-27).

O CARÁTER DO CRISTÃO DEVE SUPORTAR O PESO DO TALENTO - O cristão deve fazer jus ao que o Senhor Jesus lhe oferece. É o que diz a parábola registrada em Mateus 25.14-28. Ele distribui os talentos de acordo com a capacidade de cada um. E, certamente, espera que sejam bem administrados.

O CARÁTER PROTEGE O TALENTO - “Quem anda em sinceridade anda seguro” (Pv 10.9a). Pessoas com profundidade de caráter reconhecem o valor dos outros nas suas conquistas, não se deixam dominar pelo excesso de autoconfiança, nunca usam atalhos para tirar vantagens e vivem conscientes de que Deus é a razão do seu sucesso.

O CARÁTER GARANTE SUCESSO DURADOURO - Alguém afirmou que é mais fácil chegar ao topo da pirâmide do sucesso do que se manter lá. A duração do sucesso na vida de uma pessoa depende da profundidade do seu caráter.

Um exemplo bíblico de homem íntegro, cujo caráter garantiu sucesso duradouro foi Daniel. Os homens que, motivados pela inveja, tentavam matá-lo, vasculharam a sua vida para ver se encontravam uma falha para acusá-lo (Dn 6.4b).

O CARÁTER DÁ RESISTÊNCIA AO TEMPO DE PROVAÇÃO - Um dos homens que mais experimentou o sofrimento no AT foi Jó. A força de Jó para resistir às provas pelas quais passou, estava no seu caráter (Jó 1). Como já disse, é nos momentos mais difíceis da vida que revelamos quem realmente somos.

Transcrito Por Litrazini
Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário