domingo, 2 de maio de 2021

NOSSA PAZ

 "Porque Ele é a nossa paz, o qual de ambos os povos fez um; e, derrubando a parede de separação que estava no meio," Ef 2:14

"E que, havendo por Ele feito a paz pelo sangue da Sua cruz, por meio dEle reconciliasse consigo mesmo todas as coisas..." Col. 1.20

A condição natural do homem em relação a Deus é de separação (Is 59:1,2; Gn. 3:23,24). Estando separado, o homem sem Cristo têm uma condição desesperadora.

A Bíblia mostra tal homem fraco (Rm 5:6; Jr 13:23), pecador (Rm 5:8) e assim, sem esperança (Ef 2:12).

Para que o povo no Velho Testamento se lembrasse dessa condição continuamente eles eram instruídos a oferecer "ofertas pacíficas" para Deus, e só através delas, podiam ter as Suas bênçãos (Êx. 20:24; Lev 4:26).

Judicialmente o homem natural pode ser um cidadão exemplar mas para Deus ele é condenado e tem a ira de Deus sobre ele permanecendo (João 3:18,19, 36).

Fisicamente o homem natural pode ser bonito e forte isso nos olhos do homem, mas é corrupto e tem doença maligna aos olhos de Deus (Is 1:6; Ef 2:1).

Socialmente tal homem pode ter uma boa posição, e ser um homem moral entre os seus semelhantes mas, ao mesmo tempo, está longe de Deus (Ef 2:13).

Religiosamente, o homem pode ser o "príncipe dos judeus" como Nicodemos era ou praticante ao pé da letra como eram os escribas e Fariseus, mas ainda ignorantes do reino de Deus (João 3:1-9; Mt. 15:1-9) e seus inimigos (Rom 8:7; Efés 2:15).

Não é saudável pensar que a situação do pecador sem Cristo é animadora.

Todavia Jesus mudou tudo isso ao verter seu sangue na cruz do calvário por nós.

A todos que reconhecerem e declararem o Senhorio de Cristo em suas vidas, passam a ter o direito a Paz. “Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo” Rm 5:1

Transcrito Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário