segunda-feira, 6 de setembro de 2021

BATALHA OU GUERRA ESPIRITUAL

Muitos fracassam na guerra espiritual por desconhecer nossos aliados espirituais, nossas armas de guerra e também nossos adversários.

Há uma diferença entre batalha e guerra. A batalha é um combate com um propósito específico, em um período ou época. A guerra é um conjunto de batalhas, com o propósito de tomada de nações, continentes, estados.

No mundo espiritual, entendemos que a guerra existe desde a fundação do mundo, e acabará no final dos tempos, quando Satanás for totalmente aprisionado, com todos os seus demônios.

Enquanto isso, se levantam batalhas espirituais, em todo o tempo. Os personagens deste cenário são:

• Eu e você

• Anjos e demônios

• Deus, pois é onipresente e onisciente

• Satanás

A Bíblia Sagrada nos revela algumas observações importantes acerca de batalhas espirituais:

• Batalha Espiritual é Deus derrotando Satanás com o sopro da sua boca (2 Ts 2.8); É a luta entre a carne e o espírito (Rm 8.5); é a luta entre anjos e demônios (Ap 12.7); é vencer pela fé, as aflições do mundo (Jo 16.33); é livrar almas da morte (Pv 24.11)

Muitos assumem o ministério de Batalha Espiritual como se fosse uma responsabilidade dele mesmo. Não é, somos apenas instrumentos nas mãos de Deus. A Batalha é do Senhor.

O motivo das pessoas desistirem do ministério, ou fracassarem na fé, é justamente por isso. Eles querem ver resultados imediatos, e querem fazer de seu jeito.

Somos guerreiros, soldados, e devemos estar sob a direção do Grande General de Guerra, para que possamos ter grandes vitórias. E finalmente dizer como Paulo: “Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé.” (2 Tm 4.7)

Medite nestes versículos, e entenda que a Batalha pertence ao Senhor:

Gn 3.15; Ex 15.3; Ex 14.14; Is 41.10-13

Pr. Ricardo Ribeiro / Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz 

Nenhum comentário:

Postar um comentário