domingo, 29 de novembro de 2020

NÃO HÁ AVIVAMENTO SEM ARREPENDIMENTO

 Como igreja de Jesus nós queremos viver um genuíno avivamento gerado no céu e operado na terra pelo Espírito Santo, então, temos que começar com arrependimento sincero e honesto dos nossos pecados, transgressões e iniquidades. 

Arrependei-vos, porque está próximo a segunda vinda de Cristo. Arrependimento é mudança de mente, mudança de vida.. "Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento" (Mt 3.8). "Eu vos batizo com água, para arrependimento..." (Mt 3.11).

Tema central da mensagem de João Batista foi o arrependimento. "...Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus" (Mt 3.1,2) (Mc 1.4,5).

"...veio a palavra de Deus a João, filho de Zacarias, no deserto. Ele percorreu toda a circunvizinhança do Jordão, pregando batismo de arrependimento para remissão de pecados…”(Lc 3.2,3).

Mediante o arrependimento, mudança de vida, humildade e oração, Deus promete sarar a nossa terra.

"Se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e me buscar, e se converter dos seus maus caminhos, então, eu ouvirei dos céus, perdoarei os seus pecados e sararei a sua terra"(2Cr 7.14).

Quando há arrependimento sincero e honesto, Deus muda a sentença de morte em benção de vida.

O arrependimento foi tema central do ministério de Jesus. 

"Daí por diante, passou Jesus a pregar e a dizer: Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus" (MT 4.17).

O arrependimento foi o tema central da pregação dos apóstolos. 

"Respondeu-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para remissão dos vossos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo" (Atos 2.38).

"Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados" (Atos 3.19).

"Ora, não levou Deus em conta os tempos da ignorância; agora, porém, notifica aos homens que todos, em toda parte, se arrependam..." (Atos 17.30,31).

Transcrito Por Litrazini               

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário