quinta-feira, 4 de fevereiro de 2021

JESUS MORREU POR NOSSOS PECADOS

"Àquele que não conheceu pecado, Deus o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus." (2Co 5:21)

Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e esmagado por causa das nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados. (Is 53:5-6)

Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas, cada um se desviava pelo seu caminho; mas o Senhor fez cair sobre ele a iniquidade de todos nós

Para conhecermos o amor de Deus é necessário conhecer também sua santidade e justiça. Deus é perfeitamente santo e perfeitamente justo.

Ele Não pode suportar nem mesmo aquilo que para nós seria um "pequeno erro". Sua santidade se ofende com qualquer forma de pecado e sua justiça exige punição (Rm 1:18).

Assim é Deus. Se a exigência é assim tão grande, e se só um homem totalmente perfeito pode agradar a Deus, então quem poderá agradá-lo? Será que existe alguém que preenche tais condições?

A resposta clara da Escritura é NÃO. "Não há justo, nem sequer um ..." (Rm 3:10)   "pois todos pecaram e carecem da glória de Deus" (Rm 5:23).  

E qual a consequência disto?  "...o salário do pecado é a morte ... " (Rm 6:63).  Esta é a morte eterna, o castigo eterno.

Quando o Espírito Santo nos convence do pecado, da justiça e do juízo, então entendemos como estamos mau diante de Deus e como é grande a nossa dívida para com Ele. Conhecemos a nossa culpa e perdemos a paz. Só então começamos a compreender porque Jesus morreu.

Ele morreu para satisfazer a justiça de Deus e aplacar a sua ira

Nós merecemos ser castigados pelos nossos pecados, mas Jesus aceitou ser castigado em nosso lugar. Assim Deus satisfez sua justiça. Por isso Isaías diz que "...O Senhor agradou moê-lo" (Is 53:10)

“...O castigo que nos traz a paz estava sobre Ele” (Is 53:6). Jesus pagou a nossa dívida.

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário