domingo, 1 de agosto de 2021

DESMASCARANDO AS MENTIRAS DAS TREVAS

Ao ocorrer alguma circunstância difícil, algum incidente na família ou alguma dificuldade, o inimigo aproveita o momento para instalar na mente de alguns dos pequenos uma ideia ou um pensamento mentiroso.

A pessoa não tem consciência de que essa ideia provém do diabo; em geral a atribui a si própria. No entanto, há duas fontes geradoras de pensamentos: Deus, que emite a verdade, e Satanás, que emite mentiras.

Muitos acham que Deus está aborrecido com eles, que sempre estão mal diante do Senhor, sempre em falta, sempre em pecado. Acreditam que Deus nunca os ouvirá porque são maus ou porque não agem corretamente.

Sobre essas pessoas recai um espírito de acusação, de condenação. O que se apodera delas não são apenas pensamentos mentirosos, mas também negativos. As mentiras produzem sentimentos que contrariam os preceitos de Deus.

Desde o tempo de Adão, todos guardamos complexos de inferioridade, porque não somos o que deveríamos ser. Nem você, nem eu.

Deixamo-nos invadir por muitos sentimentos impróprios de inferioridade, de culpa, de timidez, de rejeição, de fracasso. Também rancores, amargura, ciúme, inveja, dúvida e coisas semelhantes.

Aquele que abriga um complexo de inferioridade, em vez de agir de modo mais humilde, geralmente procede com vaidade. Pretende demonstrar quão bom é escondendo seu mal. A pretensão, a vaidade, é uma forma de compensar os complexos.

Quem mantém fortalezas tem dificuldade de confessar seus pecados. Quem se sente livre interiormente, abre seu coração e confessa suas falhas. Sabe que é esse o caminho da limpeza e da saúde.

As fortalezas interiores são uma sólida construção formada por argumentos falsos, sentimentos negativos e vaidade. Elas produzem tal desordem interior que desequilibra e arruína a personalidade, altera a conduta e leva à angústia e à depressão.

Por Litrazini

http://www.kairosministeriomissionario.com/

Graça e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário